quarta-feira, 27 de abril de 2011

Questões de Vestibular China


(UFRJ)
1 - China - um país, dois sistemas

Aproximadamente 20% da população mundial vive na China sob o regime comunista. No entanto, no território do Estado chinês existem regiões e cidades que adotam práticas capitalistas. Em meados de 1997, Hong Kong, um dos maiores centros financeiros mundiais, voltou ao controle do Estado chinês, sem alterar sua condição econômica anterior.

Apresente duas razões para que a China mantenha práticas capitalistas em algumas áreas do seu território.


(UFRRJ)
2 - Nestes tempos de globalização econômica, a China chama a atenção do mundo em função do seu imenso mercado consumidor e de um sistema político - econômico peculiar, denominado por alguns estudiosos "socialismo de mercado".

Apresente duas razões que justifiquem a utilização do termo "socialismo de mercado" para definir a situação chinesa.


(UFF-RJ)
3 - A China é apontada, hoje, como uma futura superpotência mundial. Apesar de sua abertura gradual e do aumento das desigualdades sociais, o país oferece uma série de vantagens para o capitalismo internacional. Assinale a única alternativa falsa em relação a essas vantagens:
    a - O grande mercado consumidor real e potencial que o país oferece.

    b - A localização privilegiada junto às economia que mais crescem no mundo contemporâneo.

    c - A sólida infra-estrutura em termos de transportes, energia e comunicações.

    d - Mão-de-obra muito farta e extremamente barata em relação a outros países da região.

    e - Várias zonas econômicas especiais, com condições muito favoráveis aos investimentos estrangeiros.


(Unifesp-SP) 
4 - Assinale a alternativa que relaciona corretamente a tabela com alterações verificadas na China.

                  Exportações(%)       1974      1986     2000
                  Agricultura                42,4       16,2      7,8
                  Energia                     16,3        8,4        2,8
                  Manufatura               47,5        71,4      87,3

                  L´État du monde, 2001.

Nas últimas décadas, o país

   a) transformou-se em uma plataforma de exportação de produtos industrializados, com participação de capital externo.

   b) passou por uma abertura comercial que resultou no incremento do mercado interno, em detrimento das exportações.

   c) democratizou-se, a ponto de garantir acesso a bens manufaturados à população chinesa.

   d) diminuiu a venda de produtos agrícolas, em função da maciça migração do campo para suas principais cidades.

   e) baixou suas vendas de produtos energéticos para fornecer energia a Taiwan, que considera seu território.

(U.Católica-DF)
5. As mudanças na República Popular da China aconteceram de forma bastante diversa das ocorridas nos países do Leste europeu. Do ponto de vista econômico, pode-se dizer que elas começaram bem antes que nos países da Europa Oriental. Logo após a morte de Mao Tsé-tung, em 1976, o novo líder do governo, Deng Xiao-ping, iniciou um processo de profundas transformações internas, baseadas em grande parte na política das quatro modernização: da agricultura, da indústria, da defesa nacional, da ciência e tecnologia.

Com o auxílio do texto, escreva V para as afirmativas verdadeiras ou F para as afirmativas falsas, abaixo, a respeito das mudanças na China.

(   ) A modernização do parque industrial do país está vinculada à forte penetração do capital estrangeiro.
(  ) A reintegração de Hong Kong, em 1997, acabou por fortalecer ainda mais o sistema chinês de modernização, pois a China passou a contar, subitamente, com uma das mais competitivas economias do mundo.
(   ) As profundas transformações internas estão ligadas também à percepção dos avanços dos chamados “tigres asiáticos”, a partir da década de 70, combinada à visão estratégica de buscar uma aliança com os Estados Unidos.
(  ) Na China, as reformas econômicas preservam controles estatais e beneficiam- se dos investimentos de chineses de Taiwan e dos chineses étnicos espalhados pelo Sudeste asiático, que controlam mais de 60% das riquezas de Cingapura e da Malásia e cerca da metade da riqueza da Tailândia e da Indonésia.
(  ) O movimento operário chinês sustentou, em 1949, a revolução comunista na China que aboliu a propriedade privada.

(UFMS)
6. A China, com mais de 1 bilhão e 357 milhões de habitantes e organizada como uma república parlamentar socialista, tem atraído a atenção dos países capitalistas pela nova política econômica que foi implantada após a morte de Mao Tse-Tung. Sobre as reformas implantadas na China a partir de 1978, é correto afirmar que:

(01) a agricultura foi estatizada e foi priorizada a indústria de bens de produção, que está concentrada na Planície da Manchúria;
(02) o governo reduziu a ênfase na indústria pesada, permitiu a exploração de petróleo em associação com grandes empresas multinacionais e planeja a construção de uma das maiores usinas hidrelétricas do mundo;
(04) na agricultura, o governo passou a alugar terras a famílias camponesas comprometendo- se com a compra de parte da produção, permitindo a contratação de assalariados e a venda do excedente no mercado, gerando aumento de produtividade no campo;
(08) no campo diplomático, China e Estados Unidos reataram relações;
(16) reformas econômicas foram responsáveis pela criação de “Zonas Econômicas Especiais” na costa sudeste do país, com infra-estrutura construída pelo governo para atrair investimentos estrangeiros;
(32) o território de Hong Kong, que estava sob domínio britânico desde a Guerra do Ópio, retornou para a China;


Dê, como resposta, a soma das alternativas corretas.

GABARITO

03 - B
04 - A
05 - V – V – V – F – F
06 - 62



10 comentários:

  1. Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
  2. Achei interessante o site, mas o problema é que não da para usar os exercícios que vc posta, uma pena. Vou procurar outro. Abraço

    ResponderExcluir
  3. Achei interessante o site, mas o problema é que não da para usar os exercícios que vc posta, uma pena. Vou procurar outro. Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não entendi pq vc falou isso. Dá para usar sim.

      Excluir
  4. a sua questão 3 não é letra C é letra B , porque a China geograficamente , não possui uma localização privilegiada, uma vez que se encontra longe da Europa e dos E.u.a

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo, você está correto, a resposta correta da numero 3 é a B, efetuei a correção.

      Douglas.

      Excluir